Castillo se declara vencedor; Keiko quer anular 200 mil votos

O candidato da esquerda, Pedro Castillo, se declarou o vencedor das eleições no Peru com 50,2% dos votos, derrotando a representante da direita, Keiko Fujimori, que aparece com 49,7%. Segundo mostra o Escritório Nacional de Processos Eleitorais (Onpe) nesta quinta-feira (10), 99,998% das urnas foram apuradas – faltando 2 a serem contabilizadas, No entanto, a líder do Força Popular já entrou com centenas de ações para anular cerca de 200 mil votos. Em números totais, o postulante do Peru Livre tem 8.791.778 e a filha do ex-ditador Alberto Fujimori tem 8.720.337, uma diferença de 71.441 votos apenas.

Keiko começou a falar em “fraude” assim que o cenário da contagem de votos ficou desfavorável para ela, o que ocorreu na madrugada da quarta-feira (9). Até então, a direitista liderava a apuração das cédulas. Na madrugada desta quinta, o Força Popular impetrou com ações para anular os votos de 802 centros eleitorais, especialmente, na área rural, onde Castillo tem mais força.

“Elas [urnas] foram escrupulosamente analisadas pela equipe legal do nosso partido e, por esse motivo, nós apresentamos as ações de nulidade das 802 urnas em todo o país”, disse Keiko.

Conforme a candidata, além dos 200 mil votos que “devem ser eliminados da apuração”, podem haver ainda “potenciais 300 mil votos em 1,2 mil centros para os quais temos objeções”.

Fonte: ANSA – Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *